Previous Entry Share Next Entry
Passeio por Londres - 3º dia
bruninhavita

(Desculpa por qualquer erro de digitação, português e acentuação. To digitando no iPhone e entre uma estação e outra.)

Vou contar uma coisa pra vocês. Me dá um mapa e eu tiro de letra. Me dei muito bem com o metro de Paris. Agora, Londres me da um nó na cabeça. Entra e sai passando cartão, entra em metro e sai em trem. Hoje eu iria me virar sozinha. A minha amiga tem aula o dia inteiro e eu ia pra Stonehenge (<3) hoje. Comprei minhas passagens no domingo e recebi o código de embarque no telefone celular. O problema era: "Onde é o megabus?", "Do lado de dentro ou do lado de fora?", "7 minutos de diferença entre um trem e outro dá!?". Enfim, ignorei todas as perguntas e fui com a Lis até uma estação de trem e parti pro desconhecido que era conhecido como estação de Waterloo.

Cheguei lá e a primeira coisa que vi foi uma Acessorize, mas esqueci logo em seguida já que não tinha tempo nem pra respirar senão perderia o tal do ônibus. Perguntei pra um guarda e graças a Deus eu estava perto porque essa estação é absurda de grande. Cheguei na plataforma certa e o cara quase não deixou eu entrar, mas fiz cara de pobre coitada e ele mandou um: "Go Go!" pra mim. Talvez eu tenha implorado um pouco também. rsrs. Aí começa a viagem de 1:30 para Salisbury. Primeiro que não era ônibus coisa nenhuma e sim um trem que se chama megabus. Ou o site que se chama megabus. Whatever. Segundo que a MULA que sou eu comprou as passagens no cartão pra Terça feira. E eu tava indo segunda, ou seja, 38 pounds jogados fora. Faça as contas. £1 = R$3,53. Eu não quis pegar a calculadora para saber. Comprei de novo a passagem na hora com o fiscal e esperei para chegar em Salisbury. Procurei um ônibus de tour para a Stonehenge e ouvi as historinhas que o cara ia falando ou ignorando algumas vezes já que eu estava em cólicas para ver a Stonehenge de perto.

Eu sempre fui apaixonada pelas famosas pedrinhas e algumas pessoas sabem que escrevo uma fanfic e na minha fanfic minha Bella faz exatamente o que eu to fazendo agora e eu to tipo "Gaaaawddd!" por dentro. Sai do ônibus e o tempo estava mais frio. Me lembrou um pouco, mas não tanto o tempo de Dublin quando fui visitar os Cliffs of Moher. Aquele tempo não era de Deus e até bater queixo eu bati. Enfim... Eu olhei para a Stonehenge e ela me olhou e eu prendi a minha empolgação. A única parte chata foi que eu estava sozinha então mendiguei pras pessoas tirarem foto pra mim, mas só. De resto foi perfeito!

Stonehenge


Depois de dar 3 voltas no lugar, voltei pra pegar o ônibus que me deixaria de volta em Salisbury só que eu soltei na praça da cidade pra comer (Pizza Hut) porque já eram quase 15:30 e eu não tinha comido. Quando eu saí, fiquei batendo papo no iMessage sem saber pra onde tava indo, até me deparar com uma rua vazia e o relógio quase 16:10. Eu tinha que estar na estação 16:20 e dá-lhe Bruna correndo pela cidade, ligando o Google Maps e nada. Pedi ajuda, já tava quase chorando quando achei a maldita estação de trem. Eu andei MUITO. Já eram 16:50 e tinha um outro trem me esperando o que foi a minha sorte. 1:30 de viagem resumiu-se em ler a O/S da Popo e pagar mico chorando. Essa sou eu.

Marquei de encontrar a Lis na estação de Waterloo porque já tava cansada de me perder. Fomos ver a ponte Millennium que foi filmado Harry Potter. Tirei foto mesmo estando escuro (quase não apareceu nada) e atravessamos a ponte. Eu pensei que só fosse de carro, mas é só de gente. Vimos uma coisa estranha na London Bridge e fomos investigar. Tinha umas luzes embaixo da ponte e ela queria saber o que era. Eu chutei armário de vassouras, boate, mas no final era apenas um espaço sem nada mesmo. Pegamos um ônibus para ir até a estação do metro para voltarmos pra casa. Quando chegamos no metro e a Lis foi pegar o Oyster dela, ela percebeu que celular e Oyster não estavam no bolso dela e dai foi uma confusão do cacete de pegar ônibus até o ponto final pra falar com o motorista e resumo da opera: não encontramos. A Lis estava super calma de ter perdido o celular, que era um SII. Eu teria morrido. Apenas. Chegamos em casa e fomos dormir. E eu dei graças a Deus da Lis não ter aula amanhã e quarta.

Millennium Bridge

Posted via LiveJournal app for iPad.

Tags:

?

Log in